Hieromagus – O Messias Desperto

Hieromagus – O Messias Desperto

Saudações Mortais, hoje quem dá as caras por aqui no Cronistas das Trevas sou eu, Tio Dio, para falar sobre um assunto que poderá abalar as estruturas da própria realidade! Vamos conversar um pouco sobre o HIEROMAGUS, o messias dos Despertos da Ordem dos Guardiões do Véu. Ao longo de milhares de anos os Guardiões tem observado que mesmo os mais poderosos e virtuosos magos da história ainda sofrem das falhas essenciais que provocam o Paradoxo e fortalecem o Abismo; por mais que eles preservem o Véu, coloquem seus irmãos na linha e semeiem gerações mais dignas com almas mais fortes, até hoje nenhum desperto teve sucesso em enfrentar os Exarcas e dar um fim na Mentira; apenas um mago perfeito, segundo eles, pode restaurar Atlântida! A lenda sobre este mago perfeito

Read More

Botequim das Trevas #04

Botequim das Trevas #04

Sejam bem-vindos ao nosso Botequim das Trevas, um podcast descontraído no qual, entre um gole e outro, conversamos sobre algum tema ligado ao Chronicles of Darkness. Mais curto, sem cortes, sem lei, e claro, com muita zoeira. No episódio de hoje, vamos conversar sobre Vampiro: a Máscara 5e! Mais especificamente, sobre o “playtest do pré-alpha” que foi lançado pela White Wolf. Esse playtest está repleto de inovações e, como vem sendo costume com a nova White Wolf, muitas controvérsias sobre o seu conteúdo. Agora senta aí e tome uma conosco no Botequim mais sobrenatural da cidade!

Crônicas do Velho Mundo – Mestrei V5, e aí?

Crônicas do Velho Mundo – Mestrei V5, e aí?

Antes de continuar quero dizer que traduzi a aventura que veio junto com o playtest, ele está aqui pra você que quer jogá-la com seus amigos. Baixe aqui para experimentar. Quanto a mim vou contar como foi a minha experiência. A começar dois jogadores chegaram quase um hora atrasado, o que me deixou sem opção além de acelerar a aventura. A aventura tem tempo estimado de 4 horas, eu terminei em três e vinte mais ou menos. então talvez isso tenha sido o motivo de eu não ter tido nenhum frenesi na mesa. Consideração sobre os jogadores Acho essencial para esse tipo de jogo que você conheça os jogadores, principalmente por causa que as experiências deles modificaram sua tomada de ações. Amelina foi interpretada por Adriano, um jogador das antigas que não

Read More

[Financiamento Coletivo] Monarchies of Mau

[Financiamento Coletivo] Monarchies of Mau

Há pouco mais de 1 ano, nós dos Cronistas comentamos em nosso DarkCast #02 sobre o financiamento coletivo (Kickstarter) de um RPG bom pra cachorro: Pugmire. Pugmire é criação de Eddy Webb, conhecido escritor e desenvolvedor da antiga White Wolf e da atual Onyx Path. Eddy é, entre muitas obras, o desenvolvedor da edição de 20 anos de aniversário de Vampiro: a Máscara (V20), escritor para o RPG de Firefly e vencedor de 2 ENnies. Este ano, a Pugsteady e a Onyx Path trazem para nós “Monarchies of Mau“

Improvisando em Chronicles of Darkness #01

Improvisando em Chronicles of Darkness #01

Olá, aqui é Bruno Venâncio para mais uma postagem para o blog Cronistas das Trevas, e hoje venho falar de algo que muito me interessa ao jogar RPG: improvisação. Como mestre de jogo/Narrador, muitas vezes passamos bastante ou pelo menos um bom tempo planejando a sessão de jogo e, conforme as sessões de jogo, acabamos aprendendo a “nos virar” com uma decisão do grupo ou de um jogador. Porém, a arte do improviso é levar esse “se virar” à próxima esfera (sacou? Hahaha) e manter a história acontecendo independente de você ter planejado ou não e, às vezes, de forma proposital.

Ressaca Horrível – CofD Stream

Ressaca Horrível – CofD Stream

Mais uma noite eu acordo suado. Eu já deveria estar acostumado, mas a lavanderia está se tornando cansativa. É a décima vez no mês e ainda nem é dia quinze. As lembranças não me incomodam mais. Perdi meu companheiro, minha amiga, minha paixão, mas a vida segue, todos perderam alguém no dia da festa, da tempestade, da matança, da explosão. Ou pelo menos era isso que o dr. Donaldo dizia nas sessões de grupo.