[Financiamento Coletivo] Monarchies of Mau

[Financiamento Coletivo] Monarchies of Mau

Há pouco mais de 1 ano, nós dos Cronistas comentamos em nosso DarkCast #02 sobre o financiamento coletivo (Kickstarter) de um RPG bom pra cachorro: Pugmire. Pugmire é criação de Eddy Webb, conhecido escritor e desenvolvedor da antiga White Wolf e da atual Onyx Path. Eddy é, entre muitas obras, o desenvolvedor da edição de 20 anos de aniversário de Vampiro: a Máscara (V20), escritor para o RPG de Firefly e vencedor de 2 ENnies. Este ano, a Pugsteady e a Onyx Path trazem para nós “Monarchies of Mau“

Improvisando em Chronicles of Darkness #01

Improvisando em Chronicles of Darkness #01

Olá, aqui é Bruno Venâncio para mais uma postagem para o blog Cronistas das Trevas, e hoje venho falar de algo que muito me interessa ao jogar RPG: improvisação. Como mestre de jogo/Narrador, muitas vezes passamos bastante ou pelo menos um bom tempo planejando a sessão de jogo e, conforme as sessões de jogo, acabamos aprendendo a “nos virar” com uma decisão do grupo ou de um jogador. Porém, a arte do improviso é levar esse “se virar” à próxima esfera (sacou? Hahaha) e manter a história acontecendo independente de você ter planejado ou não e, às vezes, de forma proposital.

Ressaca Horrível – CofD Stream

Ressaca Horrível – CofD Stream

Mais uma noite eu acordo suado. Eu já deveria estar acostumado, mas a lavanderia está se tornando cansativa. É a décima vez no mês e ainda nem é dia quinze. As lembranças não me incomodam mais. Perdi meu companheiro, minha amiga, minha paixão, mas a vida segue, todos perderam alguém no dia da festa, da tempestade, da matança, da explosão. Ou pelo menos era isso que o dr. Donaldo dizia nas sessões de grupo.

Vencedores do CofD Day 2016 [Fotos]

Vencedores do CofD Day 2016 [Fotos]

É com muito orgulho (e alguma demora, à despeito de nossa vontade) que nós dos Cronistas das Trevas mostramos aqui os vencedores dos brindes do CofD Day 2016 que foram enviados pela Onyx Path para os jogadores e narradores do nosso evento. E fiquem ligados na nossa página do facebook que esse ano teremos a terceira edição do CofD Day.

Guia rápido para usar o Tarot em crônicas

Guia rápido para usar o Tarot em crônicas

O livro Keys to the Supernatural Tarot, publicado pela Onyx Path como um suplemento de Mago: o Despertar oferece vários caminhos e possibilidades para utilizar o baralho de tarot no RPG. Desde a aplicação disso em histórias como um recurso narrativo até a criação de personagens utilizando os arquétipos das cartas. Também oferece a possibilidade de pensar nas cartas como objetos encantados de extremo poder que existem desde Atlântida e que estão perdidas atualmente. Minha intenção aqui é explicar um pouco sobre como funciona e dar uma visão breve sobre cada uma das cartas para que você possa utilizar esse recurso de modo prático na sua crônica. Não é algo voltado apenas para Mago, mas para qualquer cenário de RPG. Entender o funcionamento das cartas se tornou uma paixão muito forte para

Read More

Indiecações de Jogos #01

Indiecações de Jogos #01

Olá vampiros, destituídos, despertos, perdidos e tantos outros. Aqui quem fala é Dante Alighieri, seu arquimago favorito, e hoje na nossa coluna “Condição: Inspirado” trago duas grandes recomendações de jogos ~das trevas~ para vocês. Ambas as recomendações são de jogos ou propostas de jogos feitos por escritores que trabalham/trabalharam para a Onyx Path, assim como muitas outras empresas do meio RPGístico, garantindo a qualidade com a qual vocês já estão acostumados.

Precisamos falar sobre a [nova] White Wolf

Precisamos falar sobre a [nova] White Wolf

Para quem não sabe, em outubro de 2015 a White Wolf foi comprada pela empresa Paradox Interactive e, desde então, tem feito vários anúncios relacionados ao Mundo das Trevas (WoD). A história inteira você pode conferir: aqui. Há algumas semanas, a White Wolf lançou dois jogos eletrônicos novos, um para Vampiro: a Máscara e outro para Mago: a Ascensão. Esse lançamento, no entanto, gerou uma grande comoção negativa na comunidade internacional em função de um dos escritores que foi escolhido e contratado pela White Wolf: Zak Smith.